Escolha uma Página

Em tempos de aumento no consumo digital, os advogados se viram obrigados a se adaptar à internet. Algumas pesquisas apontam que existe mais de 1 milhão de advogados no Brasil. É o momento que você advogado pode utilizar o Marketing Digital Jurídico para se diferenciar. Trata-se de uma forma de gerar visibilidade e consequentemente clientes, sem ferir as diretrizes da OAB do seu estado.

Independente se você atua através de um escritório de médio/grande porte ou mesmo a partir de uma pequena sociedade, o material a seguir vai contribuir bastante para sua estratégia digital.

Quer saber como organizar o seu Marketing Digital? Acompanhe:

1- Planejamento Digital
Nesta etapa você vai definir toda a estratégia digital da sua empresa na internet. Através do Planejamento Digital será possível elencar seu objetivo e descrever seu público-alvo e personas, listar as palavras-chaves mais relevantes no seu setor e organizar um calendário de conteúdo.

2- Site para celular
Não basta apenas ter um site. Seu escritório precisa de um site responsivo (que se adapte às telas dos smartphones). O principal motivo para sua empresa ter um site é a audiência do Google. Mais de 70% dos consumidores pesquisam online antes de realizar uma compra. Neste exato momento existem pessoas procurando por advogados no Google. Através de seu site você pode atrair tais internautas.

3- Conteúdo para Blog
É altamente indicado que seu site contenha uma área específica para publicação de conteúdos. Mas nada de ficar copiando notícias de outros portais e demais sites de terceiros. Para garantir um bom ranqueamento no Google é indicado que seus conteúdos sejam próprios. Além disso, manter uma frequência de publicações, usar palavras-chaves relevantes e criar conteúdos que respondam dúvidas dos internautas são pontos que irão contribuir bastante no seu ranqueamento no Google.

4- SEO para área jurídica
Otimizar conteúdo é uma tarefa tão ou mais relevante do que apenas produzir conteúdo, principalmente devido a influência desta técnica ao ranquear os conteúdos no Google. É isso que a etapa de SEO (Search Engine Optimization – Otimização de páginas e conteúdos) propõe. Para aplicar ações de SEO você deve considerar uma série de técnicas. Uso de palavras-chaves relevantes no Google, links, backlinks, concorrentes, tamanho do seu conteúdo, tempo de carregamento de suas páginas e muito mais. Portanto, é altamente sugerido que você faça o SEO com foco no site de seu escritório de advocacia.

5- Redes Sociais
Será que vale a pena criar publicações sobre datas comemorativas? Como você vai se diferenciar no meio de tantos concorrentes? Buscar sua própria identidade é algo que vai contribuir bastante na construção de seu DNA digital. Seja original e evite ser apenas mais um nas Redes Sociais. E, o mais importante, lembre-se de estar onde seu público-alvo está. Se você atua com advocacia para empresas considere criar uma página no Linkedin. Manter publicações em seu perfil pessoal no Linkedin também poderá te ajudar. Se você atua com foco no consumidor final, verifique em qual rede social ele aparece com mais frequência. Normalmente os advogados querem produzir conteúdo direto para Facebook e Instagram sem antes fazerem esta simples análise.

6- Email Marketing
Existe uma grande fatia de mercado que utiliza emails e por isso seu escritório pode se apropriar desse canal. Quando o conteúdo é interessante, muitos profissionais querem receber emails sim. Através do Email Marketing você pode oferecer uma série de materiais para seu público-alvo (apresentações, levantamentos, análises, ebooks sobre os conteúdos que você domina, etc). Existem diversas ferramentas para você monitorar quem abriu, quem clicou, enfim, quem interagiu com seus emails. Mas é preciso ser breve. Nada de fazer relatórios imensos em forma de newsletters. Foque no que o seu público tem interesse e não no que você deseja distribuir.

Que tal profissionalizar o seu Marketing Digital Jurídico?

Envie uma mensagem para a gente e se destaque no meio da multidão.

WhatsApp http://bit.ly/whatsapp-bruno-imagina-digital